Ruy Guerranoticias


Uma biografia de Ruy (21-07-2017)


RUY GUERRA paixão escancarada, escrita por Vavy Pacheco Borges após uma longa pesquisa, será lançada pela editora BOMTEMPO em São Paulo no dia 08/08/2017 na Livraria da Vila na Alameda Lorena, e em 21/08 na Livraria Travessa no Shopping Leblon, Rio de Janeiro.



Festival Africa's – Cinema e Revolução (17-01-2017)


Houve em novembro de 2016, no Cinema Belas Artes em São Paulo, o Festival Africa's – Cinema e Revolução, organizado por professora da ECA, USP, LUcia Ramos Monteiro. Foram exibidos 4 curtas metragens de Ruy Guerra, apresentados por Vavy Pacheco Borges e o longa Mueda, Memória e Massacre, seguidos de um debate com a participação do diretor.



La Furia Umana (17-01-2017)


Foi feita uma homenagem a Ruy Guerra no periódico de cinema La Furia Umana.

http://www.lafuriaumana.it/



EXIBIÇÕES (15-07-2016)


"Quase Memória" foi exibido no 38th Moscow Internatonal Film Festival tendo recebido duas menções honrosas: Menção Especial do Jury de críticos russos e Menção Especial da Federação dos cineclubes russos.

"O Homem que matou John Wayne" foi exibido no mes de maio no Amsterdam Film Festival 2016, tendo recebido o premio Van Gogh de Melhor Montagem.

exibição do filme O homem que matou John Wayne



O HOMEM QUE MATOU JOHN WAYNE (06-05-2016)


O documentário que trata das ideias sobre arte e cinema de Ruy Guerra estreou no Brasil em abril de 2016 no Festival Tudo é Verdade; em São Paulo no dia 11 e no Rio dia 14, em sessão especial em homenagem ao cineasta.



QUASE MEMÓRIA (13-09-2015)


Quase Memória, o mais recente filme de Ruy Guerra, foi exibido na 39ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo nos dias 28/29 e 30 de outubro.
Quase Memória também foi exibido no Festival do Rio de Janeiro e ganhou o Prêmio Especial do Jury; foi exibido no 19o Festival Internacional de Punta del Este, recebendo em 27/02/2016 o prêmio de melhor direção e menção honrosa para a fotografia.



Facebook



37º Festival del Cine Latinoamercano de Havana (15-11-2015)


No 37º Festival del Cine Latinoamercano de Havana de 3 a 13/12/2015, Ruy Guerra foi homenageado com el Coral de Honor; haverá exibição de alguns seus filmes e exposição de fotos.

O documentário sobre sua produção artística intitulado O homem que matou John Wayne - tendo como diretores seus ex alunos e coroteiristas Diogo de Oliveira e Bruno Laet - foi exibido pela primeira vez.



Colóquio Internacional - Ruy Guerra e o Pensamento Crítico das Imagens (10-10-2015)


Foi realizado em Paris nos dias 8 e 9 de outubro, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian e do INHA (Institut Nacional d'Hitoire de l'Art). Para ler o documento completo, clique aqui.

PROGRAMA

CONVITE